Enquete

O que faltam no site? Faltam.... Obrigado pelo sua cooperação!






Resultados

Quem está online

Não usuários online
Hóspedes: 108

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
The next version of Ubuntu is coming soon

Publicidade

Index » Bairros da Grande Vitòria » Vitória - Bairros da cidade


Última atualização (Dom, 21 de Fevereiro de 2010 12:28)

Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 
4.0/5 (2 votes)

Venda de flores na Praça Regina F. FumoO nome Jardim da Penha surgiu porque a região do bairro era uma área plana, toda verde, que parecia um jardim, onde de qualquer parte podia-se avistar o Convento da Penha. Os primeiros conjuntos habitacionais começaram a ser construídos a partir de 1969, dando início ao desenvolvimento imobiliário de Jardim da Penha que é hoje um dos mais populosos de Vitória, com cerca de 40 mil habitantes. Surgiu no final da década de 60 e início de 70, através de um loteamento feito pela Empresa Capixaba de Engenharia e Comércio Ltda, numa área de propriedade da Sra. Maria Silvia Klaczko. Posteriormente, na metade da década de 70, surgiram pequenos conjuntos habitacionais de apartamentos destinados à classe média. Com a melhoria da infra-estrutura do bairro, a proximidade do mar e a facilidade de acesso ao Centro, vários prédios foram construídos no local.

 _____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Galeria de fotos

03.1.jardim_da_penha.180 03.2.jardim_da_penha.180 03.4.jardim_da_penha.180 03.jardim_da_penha.180
Tìtulo: Jardim da Penha, veja 12 fotos - clique na foto para abrir a galeria - fotógrafo: Erica Schürmann
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
a
Hoje o bairro está praticamente todo ocupado por funcionários públicos, estudantes universitários e profissionais liberais caracterizando uma população jovem e um comércio auto-suficiente.

Um local de encontro dos jovens de Jardim da Penha é a Rua da Lama. Desde o início do bairro, com a proximidade da UFES, era uma rua de barro com vários barzinhos próximo ao posto de gasolina, que eram e são frequentados por muitos universitários. A rua, antes frequentada por um grupo mais seleto, agora está sendo povoada por diversos tipos de pessoas, o que acabou fazendo com que os antigo frquentadores migrassem para o chamado "triângulo", localizado na Praia do canto (um bairro próximo ao Jardim da Penha).

 

Histórico de Jardim da Penha


1928 - Primeira tentativa de ocupação de Jardim da Penha.

1952 - As proprietárias do terreno encomendaram o arruamento e loteamento da área para viabilizar a venda de terras urbanas.

1969 - Efetiva ocupação de Jardim da Penha. Construção de um conjunto de pouco mais de 100 casas no bairro.

1970 - O Instituto de Cooperativas Habitacionais do Espírito Santo, financiado pelo Banco Nacional de Habitação (BNH), construiu 91 edifícios destinados a trabalhadores cuja renda familiar variava entre três e meio e oito salários mínimos, o que acabou atraindo um número maior de pessoas para a região.

1970 - Fundação da Democracia Socialista (DS)

1984 - No dia 24 de setembro a Associação de Moradores de Jardim da Penha (AMJAP) foi formalmente criada.

1985 - Eleição para presidência da Associação vencida pelo jornalista Otaviano de Carvalho, da Democracia Socialista, frente que concorreu o pleito em chapa única.

1997 - No dia 07 de junho foi inaugurado o Parque da Pedra da Cebola. A área fica na divisa dos bairros Jardim da Penha, Mata da Praia e Bairro República.

 Confira um point de Jardim da Penha

_____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Publicidade

 A casa Bauhaus em Jardim da PenhaQuem somos nós?

Um espaço para encontros, debates, divulgação e aprendizado em torno da arte e da cultura em geral, realizados através de exposições, cursos livres, palestras e grupos de estudo com professores e profissionais renomados.Nosso objetivo é promover experiências e fomentar conhecimentos unindo cultura, arte e educação através da oferta de cursos nas diversas áreas das ciências humanas e sociais, cujo formato procura unir a informalidade da transmissão do saber (através de um ambiente descontraído inspirado nos antigos saraus) ao rigor acadêmico (através de professores e especialistas consagrados).

A internauta Fabíola Paulsen avalia que o local oferece opção para esquecer a correria do dia-a-dia e as preocupações

Endereço: Av. Saturnino Rangel Mauro, 488, Jardim da Penha. Tel: (27) 3227-6507 E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Horário de atendimento: segunda a sexta de 10 às 18h

http://www.bauhausvitoria.com.br/

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Publicidade